Idosa de 73 anos, conhece "namorado" na aplicação Hangouts da Google, e acaba sendo burlada



Mas temos que ter cuidado, pois maioria das pessoas, usam identidades falsas, só para burlar, principalmente quando o assunto são idosos. Estamos trazendo uma história real que aconteceu no Guarujá, no litoral de SP.

Uma senhora, de 73 anos aposentada, confessa que foi vitima de estelionato, depois de conhecer um individuo no qual disse que estavam "namorando". Estamos a falar de um criminoso cuja sua identificação foi dada como Paul Anka, um musico canadense.

Antes de prosseguir com o ocorrido, lembre se que Paul Anka, é canadense e tem atualmente 78 anos, o cantor deu inicio à sua carreira de sucesso aos 14 anos. Ainda no auge da idade quando inciou os seus maiores sucessos. Em 1957 ele foi para Nova York, onde foi desempenhado a fazer um teste na emissora onde gravou um dos seus sucessos, "Diana". Além disso ele compôs outros temas, e ainda fez turnês no Reino Unido e Austrália. Já nos anos 60, ele ainda participou de elencos de filmes para algumas trilhas sonoras.Ainda uns anos mais tarde,já nos anos 80, Anka seguiu compondo e participando de duetos.

Agora voltando ao tema da idosa, ela teve um prejuízo de R$150 mil. Morando no bairro Vila Virgínia, a idosa se dirigiu até à delegacia daquela zona, para denunciar a burla que sofreu. A aposentada confirmou que conhecer o dito "namorado" pelo aplicativo Hangouts , uma ferramenta do Google, em fevereiro de 2019. A partir desse momento eles começaram a "namorar",à distância mas nunca se conheceram pessoalmente.

Ainda durante o cujo"relacionamento", o homem dizia ser um cantor muito famosos, e passou a pedir dinheiro emprestado para a idosa, e confiando nas boas intenções do homem, ela transferia diversos montantes diretamente para a conta do criminoso. Que com promessas dizia, que ia devolver tudo, Mas entretanto o acordo do suposto"namorado", nunca foi cumprido.

Só mais tarde, ela percebeu que foi vítima de um golpe, e foi aí que resolveu fazer a denuncia, onde abriu um Boletim de Ocorrência, que de momento está sob investigação. Ainda de acordo com o delegado, Marco Antônio, o autor do crime é estrangeiro."Ele pediu dinheiro emprestado, e ela transferiu em várias vezes", explica.

Publicar um comentário

0 Comentários