O que fazer se pegar coronavírus? Resposta sobre coronavirus

O assunto sobre O que fazer se pegar coronavirus ou métodos de como combater os virus de coronavirus é um caso que todo mundo procura, pois, cada uma das pessoas esta preocupado em como combater esses vírus e se livrar de uma vez por todas. 



O vírus se espalhou para todo canto do mundo e o Google trends atualiza que as maiores pesquisas feitas no buscador Google estão relacionadas com o coronavirus. Mas voltando a pergunta que tanto inquieta as pessoas “O que fazer se pegar o coronavirus?” certamente a resposta mais sabia e rápida é procurar um centro hospitalar mais próximo para receber cuidados médicos para assim evitar que tenhas um fim doloroso ou que espalhe os vírus para outras pessoas. 

O que você precisa saber e fazer
Como prevenir o contágio?
  • Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel.
  • Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir.
  • Evite aglomerações se estiver doente.
  • Mantenha os ambientes bem ventilados.
  • Não compartilhe objetos pessoais
O que fazer se eu suspeitar que estou com coronavírus?
Se você teve contato com alguém que viajou a algum país com casos confirmados ou teve contato com alguém que teve contato com uma pessoa que teve diagnóstico confirmado de coronavírus e estiver tendo febre e mais algum sintoma como dor de garganta ou falta de ar, procure a unidade de saúde mais próxima.

1. Coloque a parte interna do antebraço na frente do rosto ao espirrar ou tossir. Ao usar lenços, evite o 2. contato destes com superfícies e objetos;
3. Mantenha distância de outras pessoas;
4. Não utilize lenços de tecido, apenas descartáveis;
5. Não compartilhe copos, talheres, toalhas e outros objetos pessoais.


Quem corre mais risco com uma infecção por coronavírus?
Os grupos de risco são os idosos, pessoas com doenças crônicas, grávidas, crianças menores de 2 anos, transplantados, pessoas com câncer ou imunodeficiências. Estudos realizados na China indicam que crianças e adolescentes têm manifestações menos graves de coronavírus. E pessoas com menos de 40 anos tem muito baixo risco de complicações, com letalidade de 0,2%. Já entre pessoas com mais de 60 anos a taxa de letalidade do vírus chega a 19%.

Publicar um comentário

0 Comentários