Morreu um dos militares da GNR feridos no acidente na A1



Informação foi confirmada pelo destacamento de trânsito da GNR de Santarém.

Um dos militares envolvidos no acidente desta terça-feira na A1 acabou por não resistir aos ferimentos, sabe o Notícias ao Minuto. 
O militar, com cerca de 30 anos, era um dos cinco feridos com gravidade na sequência de uma colisão entre um automóvel e um carro-patrulha da GNR, na Autoestrada 1 (A1), no sentido Norte-Sul, entre o nó de Torres Novas e área de serviço de Santarém. A outra ocupante do carro-patrulha, de 30 anos, encontra-se em estado crítico
O acidente ocorreu ao quilómetro 85 da autoestrada, pelas 11h36, quando a GNR "estaria a sinalizar o local".
No local, a responder ao acidente, estiveram 32 operacionais apoiados por 13 viaturas.

Publicar um comentário

0 Comentários